Lixomania


The Sims
fevereiro 23, 2010, 10:55 am
Filed under: Uncategorized

Eu cheguei na Fast Shop e perguntei quanto custava aquela máquina de lavar roupa super bonitona. Cara, se eu conto pra vocês como ela é bonitona. A porta não parece uma porta, parece uma escotilha com a janelinha e tudo mais. Aí você tem aquela escotilha praquele cubinho apertado cheio de botões e luzes que piscam e pensa que é o modo lunar. Não to preocupado em lavar roupas, de verdade: o que eu quero é uma máquina para pousar na lua. Aquele tal de Armstrong colocou uma bandeira dos Estados Unidos quando pousou com a máquina de lavar dele na lua. Eu não colocaria uma bandeira do Brasil. Eu colocaria um poster da Penelope Cruz, acho. Penso que é uma coisa que representa a humanidade como um todo, e não apenas uma nação. De repente um ET pousa lá com a máquina de lavar dele, ve a bandeira dos EUA e pensa que dentro daquela bolota azul ali todo mundo pensa que hamburguer é churrasco. Não é assim que eu quero ser percebido pelo resto da galaxia. Já Penelope Cruz eu entendo que é um conceito universal e inquestionável.

Aí o moço da Fast Shop disse que a máquina de lavar, secar, passar café e pousar na lua custava “vinte mil cruzeiros novos”. Fiquei puto da cara, né? “Aaaaaaahhhhhh não!”, gritei com todos H’s. Porque na internet custava 10.000 cruzeiros novos a menos. O cara me disse que mudou de setor recentemente e que não sabia muito bem sobre essa tal de internet. De repente ele ainda trabalhava no setor de mimeógrafos, sei lá. Me levou até o computador e abriu o site. Fez aquela cara muito peculiar de “custa dez mil cruzeiros novos a menos mesmo” que as pessoas fazem nesta hora. Eu sei desta cara: também trabalho atendendo pessoas e ensaio minha expressão de “custa dez mil cruzeiros novos a menos mesmo” em frente ao espelho todos os dias. Ele se comprometeu a cubrir a oferta e eu disse que não. Porque eu queria comprar mais coisas e, aí, ele ia fazer cara de “dez mil cruzeiros a mais” para as outras coisas. Falei que voltava mais tarde com todos os preços num papelzinho.

Eu voltei mais tarde. Acompanhado de meu irmão e de um papelzinho que anotava o valor do módulo lunar e o de um forno de microondas. Porque não se pode chegar à lua sem comer pipoca no caminho. Mas antes de ir à Fast Shop, aquela socialização com meu irmão. Aparentemente ele queria me contar sobre o roteiro que ele bolou para um filme. Algo sobre o Papai Noel ir para o inferno e ser salvo pelo Kiss que, depois de empatar jogando par ou ímpar com o diabo, conseguiu enganar o estagiário deste e levar o Papai Noel embora. Enfim: muitos canecos de chopp e uma porção marota de lula. Com molho bacana. E eu de camiseta branca, vocês sabem o que acontece com camisetas e molhos. Magnetismo, uma coisa atrai a outra, ying e yang, Brad Pitt e Angelina Jolie, Chitãozinho e Xororó, este tipo de força. Eu chego à Fast Shop e digo para o rapaz:

– Cara, voltei pra pegar a máquina de lavar… olha a minha camiseta, ta vendo como eu preciso dela?


Ele olhou para mim e fez “cara de dez mil cruzeiros a menos”

No fim das contas o cara fez um desconto bacana pra mim. Cobriu o preço do site e disse que era isso aí. Eu disse que era pouco. Exaltei as qualidades profissionais dele. Que qualidades? Sei lá, não conheço o cara, mas eu exaltei. Deixei ele me contar que era mormom e que morava sozinho. Que queria fazer faculdade de jornalismo e que aquele emprego era um quebra galho. Falei pra ele experimentar vender carros porque aquilo da mais dinheiro que Fast Shop. Que carros custam, em média, dez mil cruzeiros novos a mais. Na saída parabenizei ele pelo atendimento e desejei sorte. Meu irmão me repreendeu dizendo que eu sou puxa saco de vendedor.

Anúncios

12 Comentários so far
Deixe um comentário

Se vc visse a tabela comparativa que eu fiz pra comprar um telefone novo e mudar de operadora, vc cai DURO no chão…

Comentário por Klo

Acho que celular deve ser muito mais difícil. Existem muito mais modelos e é algo vendido em muito mais lugares.

Comentário por Klein

me interessei pelo filme do irmão

Comentário por débora

Olha que eu nem mencionei a parte em que um travesti cortava o cabelo do Papai Noel.

Comentário por Klein

Eu so consigo imaginar tudo isso acontecendo na língua típica que os Sims falam no jogo.

Comentário por janveneziani

Nossa, eu tinha esquecido disso. Deu vontade de instalar de novo só pra ouvir eles falando

Comentário por Klein

eu dei risada ALTO com esse texto e agora tô com vergonha aqui no silviço. :****

Comentário por renata

Renata, hoje é sábado. Vai pro boteco tomar cerveja, vai no cinema, vai pra casa dormir ou qualquer outra coisa que não seja ficar onde você está!

Comentário por Klein

Klein!!!
Adorei a casa nova!
Só aumenta um pouco a letra dos textos. Ou então me indica um bom oftalmo!
bjs

Comentário por Fe Lopes

O triste é que eu nem sei onde mexo no tamanho da fonte… é pequeno mesmo.

Comentário por Klein

E bom, se o puxa-saquismo rendeu o desconto, valeu já!
E aí, qdo vc começa a lavar roupas para fora??!

Comentário por Fe Lopes

Pagando bem, hoje mesmo!

Comentário por Klein




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



Nada Profissional

não contém glútem

Blowg

não contém glútem

I misbehave

não contém glútem

Vida e Obra de Daniell Rezende

"Thou shalt not bore." - Billy Wilder

tantos clichês

não contém glútem

%d blogueiros gostam disto: